Transalvador fará leilão online para venda de veículos e sucatas entre R$ 195 a R$ 6 mil; veja

Leilão acontecerá a partir das 11h do dia 25 de novembro, por meio da plataforma Hasta Leilões.

Foto: Reprodução/Ilustração

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) vai realizar um leilão online de veículos e sucatas no dia 25 de novembro, na capital baiana. Os valores variam entre R$ 195 a R$ 6 mil, com 63 lotes disponíveis para compra.

O leilão acontecerá a partir das 11h, por meio da plataforma Hasta Leilões. Os interessados em avaliar os bens de perto poderão visitar o pátio em que estão guardados, nos dias 21 e 22 de novembro, na rodovia BA-526, CIA I, em Simões Filho.

Para realizar a visita não é necessário agendamento, basta comparecer de 8h às 12h e das 14h às 17h, com documento com foto e com uso de máscara. No local, será necessário manter o distanciamento mínimo de 1,5 metros.

O cadastro é feito previamente através do site da empresa da empresa que realiza o leilão, observando as regras estabelecidas e aceitando as condições de venda. Este cadastro deverá ser efetuado com, pelo menos, 48 horas de antecedência, para análise dos dados e liberação de participação.

Forma de pagamento

No ato da arrematação, o licitante vencedor pagará o valor integral do total do lance, em transferência ou depósito bancário, seguindo orientações do leiloeiro.

O veículo deverá ser retirado no prazo máximo de 30 dias úteis. Caso o bem não seja retirado do pátio no prazo, a atitude poderá ser caracterizada como abandono e o arrematante poderá perder o valor desembolsado.

Quem pode participar

Cidadãos maiores de 18 anos e pessoas jurídicas estão aptas a participar do leilão. Os documentos necessários são carteira de identidade original e CPF, para pessoa física.

Os veículos conservados adquiridos por pessoa física ou jurídica possuem direito à documentação e serão entregues livres de qualquer ônus anterior. Já os lotes de sucata só podem ser arrematados por pessoas jurídicas que tenham na sua atividade desmontagem de veículos.

Fonte: G1